sábado, 16 de maio de 2009

Redução dos Preços de Players de Blu-ray

Feed do Metal Ômega
Assine o nosso Feed ou receba os artigos por email
categories : , ,
technorati: , , | 0 comentários »

Redução dos Preços de

Players de Blu-ray


Blu-rayOs primeiros players de Blu-ray chegaram ao Brasil em meados de 2006 pelos fabricantes Sony, LG, e Samsung, e suas vendas não passavam de centenas de unidade. Hoje, a expectativa média de cada empresa é vender Blu-gay em torno de dez mil unidades até o fim de 2009. Como mais pessoas estão comprando players de Blu-ray, o caminho natural a seguir pelos fabricantes é iniciar a produção dos aparelhos de Blu-ray no Brasil, principalmente na Zona Franca de Manaus, reduzindo assim os preços dos aparelhos de Blu-ray.

A Samsung já iniciou a fabricação de aparelho de Blu-ray no Brasil, o BDP – 1600, que custava R$ 1.699,00 e diminuiu para R$ 1.299,00. Quem tem o player de Blu-ray mais barato do Brasil, por enquanto, é uma empresa nacional conhecida pelos seus vídeo games, a Tectoy, com o DBR – 700, que custa R$ 999,00. E há espaço para que o preço caia. Até o natal, a Tectoy diz que seu player de Blu-ray deverá custar cerca de R$ 699,00.

O preço dos filmes em Blu-ray também deverá cair consideravelmente. Até agora, todos os títulos de filmes em Blu-ray são importados e dependem das oscilações do dólar para ter seus preços definidos. Em média, dá para encontrar um filme em Blu-ray por R$ 80,00.

A Videolar espera que já em 2010 comecem a replicação de Blu-ray no Brasil. Além da queda de preços, os lançamentos ganharão velocidade. Essa tendência é reforçada pela divisão de áreas do Blu-ray. Ao contrário do que ocorre com os DVDs, no novo formato em Blu-ray, Brasil e Estados Unidos usam a mesma codificação, o que torna mais rápida a chegada de novos filmes.

Outro movimento que dá esperança para quedas ainda mais acentuadas nos preços acontece nas mesas de negociação de Blu-ray Disc Association, o consórcio que decide o futuro do formato Blu-ray. Um grupo capitaneado por Sony, Philips e Panasonic propôs a simplificação do licenciamento de hardware e software que usam a tecnologia Blu-ray. Atualmente, o fabricante que pretende lançar um player de Blu-ray precisa pagar separadamente por patentes de um pool de empresas. Com o novo formato de licenciamento, que pode estrear ainda neste primeiro semestre de 2009, o pagamento será feito de uma só vez, e a BDA cuidará da divisão depois. Assim espera-se aumentar adoção do Blu-ray por novos fabricantes e uma redução nos custos de royalties de até 40%.

Com ou sem esse desconto, há um criadouro de tocadores de Blu-ray ultra baratos nascendo na China. Recentemente empresas do país obtiveram patentes para produzir player Blu-ray e já existe uma enxurrada de tocadores de Blu-ray de marcas chinesas desconhecidas com preços abaixo dos 100 dólares. É inevitável que os aparelhos de Blu-ray se espalhem pelo mundo em pouco tempo.


Fonte de Informação:
Revista Info Exame

Veja Também:
Tirando Dúvidas sobre o Blu-ray


Receba atualização do Metal Ômega por e-mail assinando o Feed ou pelo endereço:
Feed do Metal Ômega

Não se esqueça de confirmar o endereço do seu e-mail (lembre-se de remover o filtro anti-spam)

Se gostou do artigo comente, se identifique, e deixe teu site/blog caso tenha.
Só faça comentário se tiver ligado com o assunto. Obrigado :-)

COMUNIDADE NO ORKUT:
Comunidade do Metal Ômega

0 comentários:

Postar um comentário


Receba atualização do Metal Ômega por e-mail assinando o Feed ou pelo endereço:
http://feeds2.feedburner.com/Metalomega
Se gostou do artigo comente, se identifique, e deixe teu site/blog caso tenha.
Só faça comentário se tiver ligado com o assunto. Obrigado :-)

COMUNIDADE NO ORKUT:
http://www.orkut.com.br/Main#CommTopics.aspx?cmm=73727597

Formulário de Contato

Contato

Seu Nome :
E-mail :
Assunto :
Mensagem :
Image (case-sensitive):